A idade de voto deveria ser reduzida para 16 anos?

Não é apenas um simples “sim” ou “não”

A+idade+de+voto+deveria+ser+reduzida+para+16+anos%3F

No dia 6 de março, a deputada americana Ayanna Pressley propôs uma emenda que abaixaria a idade de voto federal dos 18 para os 16 anos. Isso provocou uma discussão ao redor do país. Deveriam pessoas de 16 anos poder contribuir com seu voto nas urnas locais? Mesmo políticos como a presidente da Câmara de Deputados, Nancy Pelosi, tem apoiado publicamente esta emenda. Mas essa é somente a opinião de Pelosi; nem todo mundo pensara da mesma maneira.

Para ver por mim mesma o que as pessoas no meu grupo pensavam sobre esse assunto, eu conduzi uma pesquisa informal através da minha conta do Instagram. A pergunta foi simples: deveriam pessoas de 16 anos poder votar? Entre meus colegas participantes, 79 por cento responderam que “não”, enquanto 21 por cento responderam que “sim”. Esta pesquisa informal reflete uma opinião pública mais ampla: no geral, a maioria das pessoas ao redor do país concorda que pessoas de 16 anos de idade não deveriam votar.

Muitos países tem uma idade de voto padrão de 18 anos. Dos 237 países e territórios autônomos na lista de World Atlas, em mais de 200 encontramos a idade mínima de 18 anos, e em 14 países essa idade é ainda maior. Idades de voto variam de uma mínima de 16 anos em Cuba para uma máxima de 25 anos nos EAU. Um exemplo de um país abaixando sua idade de voto seria a Escócia: quando ela abaixou a idade de voto pelo Referendo da Independência em 2014 e isso foi considerado um sucesso, o Parlamento Escocês votou por unanimidade para abaixa-la oficialmente para 16 anos em 2015.

Vou te dizer em primeira mão que sou contra a idade de voto sendo abaixada. Tenho estado debatendo este assunto comigo mesma por semanas, indo para cá e para lá nos prós e contras da situação, e tenho que confiar no meu instinto quando se trata deste assunto. Isso não é uma questão de não querer mudar as leis antigas e ser mais progressiva, mas sim de considerar que adolescentes de 16 anos ainda são jovens demais.

Questiono se pessoas nessa faixa etária são maduras o suficiente para votar. Adolescentes são conhecidos por seu comportamento imprudente, incluindo alguns exemplos recentes tal como a ingestão de Tide Pods, a mania de coocar sal e gelo na pele nua ou mesmo a ingestão de grandes quantidades de canela, influenciados por desafios da internet para aumentar a quantidade de visualizações em seus vídeos. Isso é pura estupidez, que todos reconhecem como comportamentos perigosos. Ao mesmo tempo, cientificamente, pessoas de 16 anos de idade são questionáveis quando se trata de sua maturidade. O cérebro não se desenvolve completamente até os 25 anos. Ao contrário de adultos que tomam decisões usando o córtex pré-frontal, a parte do cérebro que toma decisões racionais, adolescentes usam a amígdala, a parte emocional do cérebro, tomando decisões que não podem ser explicados mais tarde. Entretendo, é verdade que alguns adolescentes são mais maduros do que outros, mas a maioria não esta pronta para contribuir com seu voto nas urnas.

Agora, será que eles levariam a sério a votação? Vamos ser honestos, para as eleições do Ensino Médio, não nos importávamos com o voto porque não nos afetaria a longo prazo. Compare isso com votar em um representante ou presidente que, por sua vez, fará mudanças às taxas de impostos, reforma de armas ou saúde, afetando diretamente o cidadão. Embora os eleitores mais jovens se importem se eduquem sobre os problemas que os afetariam, eles podem não se importar com outros problemas que não os afetariam diretamente.

Ainda assim, as pessoas podem argumentar uns poucos pontos em favor dos adolescentes. Considere pessoas de 16 anos de idade possam votar nas eleições locais. Nesse ponto na vida deles, a política local provavelmente os afetará mais diretamente. Se permitirmos que pessoas de 16 anos possam votar nas eleições locais, isso poderia iniciar bons hábitos que poderão continuar na idade adulta. Isso poderia aumentar o número de eleitores participantes ao longo do tempo. Mas, historicamente, a demográfica entre as idades de 18 e 29 anos tem tido uma participação baixa nas eleições. Segundo o Departamento de Censo dos EUA, durante a eleição presidencial de 2016, o comparecimento dos eleitores desta demográfica foi de apenas 46,1 por cento.

Outra coisa a se considerar é que pessoas de 17 anos podem se inscrever, com consentimento parental, e servir nas forças armadas, porém são incapazes de votar. Se uma pessoa de 17 anos servindo ao exército para proteger esta nação não puder votar pelo próximo Comandante-chefe, isso seria motivo para abrir uma exceção ou abaixar a idade de voto. Esse é um caso similar ao de um soldado que pode servir porem não tem permissão para consumir bebidas alcoólicas devido a sua idade. Mas, no fim do dia, adolescentes de 16 anos ainda não estão prontos votar. Mantenha a idade mínima de voto onde está.

Nicole Biagioni e colunista do Collegian e pode ser contatada através do [email protected]

Drew Sullivan é tradutor de Português do Collegian e pode ser contatado através do [email protected]

Gabriella Lalli Martins é editora de Português do Collegian e pode ser contatada através do [email protected]